Comunidade Senhor da Vida
Voltar para o início
|
Versão em Português Versão em Espanhol


Queria dizer-vos uma palavra, e a palavra é alegria. Onde quer que haja consagrados, aí está a alegria! PAPA FRANCISCO

     





Livro Educação em busca...

A educadora Eloisa Marques Miguez lan&cc


Aborto em debate...

O programa Assembleia Debate, exibido na TV Assemb
     









 
 
  
  TESTEMUNHO  
  Home » Testemunhos  
 
 
O anencéfalo tem direito a vida? É um filho também?

Em outubro de 2002 descobri, com muita alegria, que estava grávida. Este seria o segundo filho, ou filha, que viria para fazer companhia ao irmãozinho, que, nesta época, contava pouco menos que dois anos. Tudo estava indo bem, até que, antes do Natal daquele ano, em um exame de rotina, descobrimos que o nosso bebê não possuía a calota craniana bem formada, ou seja, ele tinha "acrania" e o osso do crânio, não tendo se formado adequadamente, deixou o topo da cabeça "aberto". Fomos informados que o fato de a cabeça estar aberta, faria com que o líquido amniótico atacasse diretamente o cérebro do bebê, desembocando em um quadro chamado "anencefalia", e, dentro deste contexto, a perspectiva de vida, seria: viver até uma hora após o nascimento; se ultrapassada a primeira hora, viver até um dia; se ultrapassado o primeiro dia, viver até uma semana; se ultrapassada a primeira semana, viver até um mês e, com muita sorte, se ultrapassado o primeiro mês, viver até um ano.

Grande foi o nosso espanto! Quando o médico começou a informar qual seria o procedimento legal para a realização do aborto, caso desejássemos, eu o interrompi e fui perguntando: "Doutor, eu corro risco de vida?". E o médico respondeu: "Pelo fato de o bebê ter esta anomalia, não. Algumas situações podem ocorrer, como, por exemplo, o aumento do líquido amniótico, mas isto pode ser contornado com os recursos dos quais dispomos hoje." A minha resposta veio pronta: "Então, Doutor, este bebê vai nascer!".

E assim se seguiu. A gestação transcorreu bem, sem maiores percalços. Eu seguia a rotina diária de qualquer mulher que tem casa, marido, filho e trabalho externo, e, sempre que me perguntavam como ia a gravidez, eu respondia que estava indo bem (sim, dentro de todo o contexto, a gestação estava indo bem), se estranhos me abordavam, questionando se seria menino ou menina, quantos meses, etc... eu sempre respondia com um sorriso, que era um menino, que estava com "x" semanas. Apesar de estar vivendo tempos difíceis, eu me esforçava em tornar a situação um pouco mais leve e evitava causar preocupação desnecessária nas pessoas ao meu redor, especialmente, no meu marido.

Após o diagnóstico, procuramos informações junto a outros médicos; pesquisamos muito na internet sobre o tema; contatamos outros pais que também passaram por esta situação, em busca de informações sobre a anencefalia e sobre uma possível cura. Descobrimos que a Medicina, no estágio evolutivo em que se encontra, nada pode fazer para reverter este diagnóstico.

Descobrimos que a mulher em idade fértil deve tomar 5 mg. diárias de Ácido Fólico, o que reduz em mais da metade a chance de se gerar um bebê com má-formação do tubo neural (a anencefalia é apenas uma de outras más formações possíveis, como, por exemplo, a espinha bífida). Descobrimos que muitas mulheres que passam por igual situação não têm acesso a informações corretas e acabam por realizar o aborto. Eu mesma fiquei espantada por nunca ter visto uma campanha oficial sequer, voltada para a orientação das mulheres quanto à importância preventiva do ácido fólico em uma futura gestação!

Felipe nasceu de parto normal, no ano de 2003 e viveu vinte minutos. A experiência de termos tido este filho muito amado enriqueceu nossas vidas, fortaleceu nosso senso de respeito ao próximo e da importância da família, e, hoje, somos confortados pelo sentimento de termos feito o que era correto. Quanto vale a vida de um filho? Tudo aquilo que um pai e uma mãe puderem fazer para preservá-la.


Márcia Tominaga
Quarta-feira, 26 de Agosto de 2009


Fonte: http://www.negociosdefamilia.com.br/2009/08/o-anencefalo-tem-direito-vida-e-um.html

 

Mapa do Site  
 
A Comunidade Testemunhos
Espiritualidade Galeria de fotos e vídeos
Carisma Momento Vida
Missão Informativos
Ciência e Fé Cursos e Palestras
Evangelização Contato


Canais

 
Localização


Av. José Ribeiro Moreira, 156 – Pq. Califórnia – Jacareí / SP - CEP: 12312 280

Telefone: (12) 99652-2904
faleconosco@comunidadesenhordavida.org.br


Comunidade Senhor da Vida - Todos os direitos reservados